Ellodigital

blog article

“Reels’’ é nova aposta do Instagram

Você se lembra do “Cenas”, recurso do Instagram que foi lançado em novembro de 2019? Pois bem, o cenas era um teste e agora deu lugar a ferramenta “Reels”, que resumidamente é um novo formato aprimorado do “Cenas” e com funcionalidades muito similares ao concorrente, o Tik Tok. O foco da ferramenta é possibilitar edições rápidas e vídeos criativos com uso de música, áudios, memes, filtros, sobreposições… Afinal, o consumo de vídeos rápidos e com recursos diversos de edição não era possível dentro do Instagram. Mas agora é. Além disso, há uma aba em que os Reels ficarão juntos e ela estará ao lado do ícone de acesso para o IGTV do perfil.

Os reels podem ser compartilhados com amigos e seguidores no Feed. Aliás, para quem quer aumentar sua exposição no Instagram, usar o Reels é uma estratégia muito recomendada. Porque quando o perfil é público, o vídeo pode ir para o Explorar e ser visto por milhares de usuários que nunca viram o seu perfil.

O Reels ficará disponível na parte inferior da câmera do Instagram. Ao selecioná-lo, uma variedade de ferramentas de edição aparecerá à esquerda da tela. Os vídeos podem ser feitos de diferentes maneiras, possibilitando que o usuário faça o upload de um vídeo já existente em sua galeria, ou que comece um projeto do zero. As gravações podem ser feitas numa só tomada, ou em cortes. Para gravar, basta clicar no botão de captura. Um indicador de progresso na parte superior da tela aparecerá, marcando a duração do vídeo. O usuário pode pausar manualmente a gravação. Caso a filmagem atinja o limite máximo de tempo antes disso, ela será interrompida automaticamente. Para acrescentar uma trilha em seu projeto, basta pesquisar o título da música na biblioteca de áudios do Instagram. O criador também poderá usar sons originais, simplesmente gravando o vídeo falando, cantando ou dançando com um som ao fundo. Caso o perfil seja público, os sons originais publicados em Reels poderão ser utiliazados por outros usuários da plataforma. Para isso, internautas deverão clicar no ícone ‘ Usar áudio ‘ apresentado no Reel original, e criar suas próprias versões da produção.

Fonte