Ellodigital

blog article

Lettering: Dicas para Iniciantes

O Lettering pode ser definido como "a arte de desenhar letras". Diferente de se criar um letreiro com fontes com formato padrão e sem modificar sua forma original, a ideia é brincar com diferentes formas e pesos e criar um texto que no fim das contas parece uma ilustração. Hoje vamos dar algumas dicas de como começar a se arriscar na arte do Lettering.

 Bem, como qualquer coisa que a gente começa, a primeira coisa é: keep calm e desenha sem medo. A auto-crítica é boa para crescer, mas para quem ainda não está familiarizado com a técnica, o importante é testar várias formas e estilos até ficar mais seguro dos movimentos. P.s: As dicas aqui também valem para o lettering digital. A diferença é que nesse caso você precisa de uma certa habilidade em programas como o Illustrator para modificar fontes já existentes, ou mesmo para desenhar direto no tablet.

  • Comece analisando e reproduzindo fontes que já existem. Nós somos primatas e primatas aprendem copiando. Então, para começo de história, escolha algumas fontes que você gosta, e no olhômetro (ou com a ajuda de uma régua), vá reproduzindo as formas. Se você desenha e já fez desenho de observação, a ideia é a mesma. Esqueça que aquilo é uma letra e a entenda apenas como uma forma.
  • Tenha na manga alguns elementos ilustrativos que podem combinar com as fontes escolhidas. Você pode usá-los na composição se julgar necessário.
  • Escolha a frase que você quer desenhar. Pegue um papel qualquer, escreva a frase e decida quais palavras terão destaque. O seu lettering fica mais interessante quando existe uma diferença visível entre o tamanho e peso de cada letra.
  • Escolha a forma onde o lettering vai se encaixar. Você pode escolher um formato básico, como o retângulo em formato cartaz, ou uma banana. O importante é como criar uma dinâmica em que a frase que você escolher se encaixe dentro do objeto escolhido. Aqui embaixo um exemplo usando um coração como forma.

 

Escolheu? Faça um layout básico e despreocupado dentro da forma escolhida. Esse é o momento em que vai descobrir se o que você imaginou vai funcionar na prática. Aqui você vai perceber se a palavra que escolheu para destaque vai estar em equilíbrio com o conjunto. Se não funcionou, tente outra forma, ou destaque outra palavra, até achar o encaixe ideal. O Hand Lettering não precisa ser totalmente simétrico e fica até mais bacana com um ou outro deslize, por parecer mais humano, mas o equilíbrio entre os elementos é fundamental para o resultado final.

  • Agora é hora de afinar o layout. Faça um sketch já usando as fontes que você escolheu. Faça uma versão pequena para não ficar com preguiça de refazer, caso as fontes que você escolheu não combinem como você imaginava. Faça quantas vezes forem necessárias até chegar na solução mais bonita.

 Rolou? Agora é hora de ir para a versão final. Crie a lápis. A borracha é sua amiga e pode te salvar de uma grande dor de cabeça. Deixe para finalizar com caneta ou nanquim quando estiver seguro do resultado. Use e abuse de detalhes e texturas para criar uma atmosfera variada. Pontilhismo, risquinhos, bolinhas, faça diferentes texturas em cada palavra para dar uma sensação de peso diferente entre os elementos.

 

Gostou do resultado? Hora de digitalizar. Se você quiser, claro. Se já ficou bonito o suficiente assim, faça um scan caprichado e zás. Se você quer transformar em vetor para poder imprimir em uma superfície de grande formato, scaneie em preto e branco e use o Photoshop para deixar o contraste como você quer (adjustments > levels). Na sequência mande para o Illustrator para fazer um "tracing", onde você pode limpar o que achar necessário, deletar pontinhos fora do lugar etc. E para quem é de cor, dá para usar o Illustrator ou Photoshop para colorir sem correr o risco de errar sobre o original no papel. As dicas acima foram tiradas desse vídeo aqui, que você pode ver com calma e enxergar o passo-a-passo sem drama. Ele tem legendas apenas em inglês, mas as imagens são bem autoexplicativas. Se você não tem as manhas, mas procura letreiros para ilustrar um convite, cartaz, cardápio ou algo mais, o Shutterstock tem portfolios de artistas dedicados a isso. É só fazer uma busca por "lettering".

 Fonte