Ellodigital

blog article

Marketing Esportivo: O Segmento que se Tornou uma Indústria Bilionária

A Tudo apitou e já está de hora de falarmos sobre marketing esportivo! Mas afinal, o que é marketing esportivo?! É uma segmentação do Marketing que tem como principal função gerar oportunidades de negócios por meio do mundo dos esportes e usá-lo como uma ferramenta para as estratégias de Marketing.

Para Contursi (1996), o Marketing Esportivo abrange o marketing do esporte e o marketing através do esporte. Marketing do esporte: marketing desenvolvido dentro das instituições esportivas, que inclui produtos e serviços esportivos. Exemplos: academias, clubes, corridas, basquete, futebol. Marketing através do esporte: atividades ou produtos que fazem o uso do esporte como veículo promocional ou de comunicação. Exemplos: patrocínio esportivo, ações de ativação, produtos licenciados.

Ou seja: criação e execução dos artifícios do Marketing no meio esportivo e em tudo o que o envolve, sejam marcas, clubes, times, atletas, equipamentos ou personalidades.

A indústria esportiva se tornou uma indústria bilionária a partir da promoção de eventos e torneios, licenciamento de produtos, patrocínio de times, clubes e atletas, naming rights e diversas outras vertentes de negócios relacionados.

O Marketing Esportivo se utiliza do conteúdo oferecido pelos esportes para oferecer serviços e produtos em diferentes formas aos públicos-alvo em questão.

E quando bem-feito, o Marketing Esportivo cumpre muito bem os seus objetivos: gerar vendas e lucros e garantir entretenimento e emoções para o público envolvido.

Por que o Marketing esportivo funciona?

Tudo começa com a paixão das pessoas e também torcedores por um determinado esporte, time, evento ou atleta.

Em cima desse “fator passional”, as estratégias de Marketing Esportivo atuam para efervescer esse sentimento e atrair novos adeptos. A matemática é simples.

O Marketing Esportivo, quando bem planejado, elaborado e aplicado, dá retorno. O ROI, nesses casos são sempre positivos.